Sindicarne - Florianópolis
INDÚSTRIAS DE PRODUÇÃO E TRANSFORMAÇÃO EM PROTEÍNA ANIMAL
03/11/2020
Agroindústria otimista com governo de Daniela
O documento é assinado pelos presidentes José Antonio Ribas Júnior (ACAV) e Irani Pamplona Peters (Sindicarne)

MB Comunicação

Em expediente conjunto encaminhado à governadora Daniela Reinehr, a Associação Catarinense de Avicultura (ACAV) e o Sindicato da Indústria de Carnes e Derivados no Estado de Santa Catarina (Sindicarne) reafirmaram o compromisso do setor agroindustrial com o Estado de Santa Catarina na manutenção e desenvolvimento de suas atividades. O documento é assinado pelos presidentes José Antonio Ribas Júnior (ACAV) e Irani Pamplona Peters (Sindicarne).

As agroindústrias produtoras de aves, suínos, pintos e ovos geram mais de 60.000 empregos diretos, e indiretamente empregam mais de 480 mil pessoas. Diariamente abatem mais de 3 milhões de aves e 34 mil cabeças de suínos e ainda produzem mais de 130 milhões de ovos férteis e 30 milhões de pintos.

A produção anual atinge o formidável volume de 1,6 bilhões de toneladas de produtos industrializados, com movimentação de R$ 3,5 bilhões na geração de ICMS. Nos últimos quatro anos as agroindústrias investiram R$ 3,7 bilhões em ampliações e novas plantas.

A atuação dessas empresas produz imensos efeitos sociais e econômicos em território catarinense, como a fixação do homem ao campo e geração de renda. Mais de 64.000 propriedades vivem do setor, sendo que destas, mais de 20.000 apenas na produção de aves, suínos, ovos e pintos.

Santa Catarina é o primeiro Estado na produção nacional de suínos e o segundo na produção de aves, o que o habilita a exportar para diversos mercados como Ásia, Europa, Américas, África e Oceania. 

Nesse contexto, a Secretaria de Estado da Agricultura e Pesca na pessoa do secretário Ricardo de Gouvêa e a Secretaria de Estado da Fazenda através do secretário Paulo Eli têm sido fundamentais no desenvolvimento do setor.

“Neste sentido, a ACAV e o Sindicarne desejam sucesso na gestão da governadora Daniela Reinehr e reiteram o compromisso com o Estado de Santa Catarina de manterem os rígidos critérios de cuidado com as pessoas que trabalham no setor agroindustrial e agropecuário, bem como com a sanidade animal, para continuarmos gerando emprego e renda”, assinalam os presidentes Ribas e Peters.

Tags: