Sindicarne - Florianópolis
INDÚSTRIAS DE PRODUÇÃO E TRANSFORMAÇÃO EM PROTEÍNA ANIMAL
09/11/2018
Suinocultura
China responde por um terço das exportações de carne suína de SC
Volume e faturamento mais que dobraram na comparação de outubro com o mesmo mês no ano passado

Globo Rural

Único Estado brasileiro com status sanitário de livre de febre aftosa sem vacinação, Santa Catarina vem aumentando suas exportações de carne suína para a China. Só em outubro, foram 101, mil toneladas, quatro vezes mais que o registrado no mesmo mês no ano passado. O faturamento foi de US$ 17,1 milhões, três vezes superior na mesma comparação.

“A China se tornou o maior mercado para carne suína produzida em Santa Catarina. O gigante asiático vem ampliando suas compras e já responde por mais de um terço de toda carne suína exportada pelo estado”, informa, em nota oficial, a secretaria de Agricultura do Estado.

No acumulado dos dez primeiros meses de 2018, os chineses importaram 95,2 mil toneladas de carne suína de Santa Catarina, com receita de US$ 182 milhões. Os resultados são mais que o dobro do registrado no intervalo de janeiro a outubro de 2017.

Resultado geral
No total, os catarinenses ampliaram as vendas externas do produto em 60,4% no mês de outubro, totalizando 33,4 mil toneladas. O faturamento foi de US$ 56,5 milhões, montante 22,8% superior ao registrado em outubro do ano passado, ainda de acordo com os dados do governo estadual.

De janeiro a outubro, Santa Catarina respondeu por 50,5% das exportações brasileiras de carne suína. O estado embarcou para o mercado internacional 264,9 mil toneladas, 13,3% a mais que no mesmo intervalo em 2017. O faturamento já passa de US$ 496 milhões.

Tags: