Sindicarne - Florianópolis
INDÚSTRIAS DE PRODUÇÃO E TRANSFORMAÇÃO EM PROTEÍNA ANIMAL
11/10/2017
Soja: Mercado neutro, a espera do relatório do USDA. Estratégia de opções pode ser interessante para o relatório
Os contratos futuros de soja trabalham em território neutro na manhã desta quarta-feira (11/10).

OTCex Group Genebra

Os contratos futuros de soja trabalham em território neutro na manhã desta quarta-feira (11/10). O vencimento novembro/17 vai sendo negociado em US$ 966 centavos por bushel, igual ao fechamento do dia anterior. A movimentação durante a madrugada foi considerável, com 23 mil contratos sendo negociados.

Hoje, o mercado tende a ser um daqueles dias tensos de pré-relatório do USDA. Apesar da aparente calmaria e da baixa volatilidade, há um embate pesado sendo travado nos bastidores. Há mais de um mês que o mercado oscila entre uma resistência na casa dos US$ 977 centavos por bushel e um suporte na linha dos US$ 950 c/bushel. No entanto, a experiência nos diz que os preços não tendem a ficar muito tempo “envelopados” dentro de bandas tão estreitas. Uma hora ou outra os agentes tendem a entrar em consenso sobre uma direção do mercado. Pelo visto, estão deixando para o relatório do USDA de amanhã decidir. Falaremos mais sobre ele amanhã.

Nestas situações, de mercado indefinido e de baixa volatilidade, há uma estratégia interessante que pode ser usada por traders que gostam de “jogar” um pouco com o mercado. As opções do contrato de novembro estão bem baratas, pois estão próximas do vencimento. Supondo que o USDA apresentará alguma surpresa amanhã, uma possibilidade é a compra de calls (opções de compra) de strike US$ 970 e de puts (opções de venda) de strike 960. Se o mercado disparar por conta de um relatório altista, ganhará com a valorização das calls. Se o mercado despencar com um relatório baixista, ganhará com a valorização das puts. Para o lado que o mercado for, irá ter um lucro. A estratégia dá errado se o relatório não for nem altista e nem baixista e os preços ficarem onde estão. Porém, um eventual prejuízo fica limitado ao valor de compra da estratégia, sendo considerado de baixo risco. Opções semanais ou diárias, no mercado de OTC, também são uma alternativa.

Na próxima semana, curso em Pelotas-RS. Em São Paulo, dias 09 a 10 de novembro, Curso Avançado de Opções para Investidores em Soja e Milho e Opções Over the Counter (OTC), para traders com conhecimento prévio sobre estas ferramentas.

Tags: