Sindicarne - Florianópolis
INDÚSTRIAS DE PRODUÇÃO E TRANSFORMAÇÃO EM PROTEÍNA ANIMAL
10/10/2017
Suinocultura
Suíno Vivo: queda de -0,30% em MT
Nesta terça-feira, a praça de Mato Grosso apresenta uma queda de -0,30% para a cotação do suíno vivo, definida em R$3,29/kg. As demais cotações permanecem estáveis

Notícias Agrícolas

Nesta terça-feira, a praça de Mato Grosso apresenta uma queda de -0,30% para a cotação do suíno vivo, definida em R$3,29/kg. As demais cotações permanecem estáveis.

No indicador do Suíno Vivo Cepea/Esalq, todas as praças apresentaram altas, com exceção de São Paulo, que teve queda de -0,24%, a R$4,10/kg e Rio Grande do Sul, que se manteve estável a R$3,41/kg.

A Associação Paulista de Criadores de Suínos (APCS), que definiu ontem (9), em sua Bolsa de Suínos, a manutenção de preços a R$4,32/kg, disse que, ao longo da última semana, negócios chegaram a ser realizados até mesmo em patamares mais baixos.

Entretanto, a APCS argumenta que a tendência é de uma melhora nos preços, cenário que deve ser acompanhado nos próximos dias.

O estado de São Paulo reduziu para 4,5% a alíquota do ICMS sobre as carnes, de forma a estimular o consumo final.

Tags: